https://aquibelezaesaude.com/ads.txt


 


Como usar um teste de PH vaginal

Como usar um teste de PH vaginal

17 de maio de 2019

Seu ginecologista já pode ter testado seu pH vaginal muitas vezes. Isso permite que ela determine a acidez ou alcalinidade de suas secreções vaginais. Por que essa informação é importante para ela saber, e por que você deveria aprender também?

Objetivos do teste

Você pode querer testar o seu pH vaginal se você estiver experimentando sintomas vaginais incomuns, como coceira, queimação, um mau odor vaginal ou um corrimento vaginal anormal. Isso pode ajudá-lo a decidir se você precisa ou não de tratamento médico.

No entanto, você deve entender que um teste em casa não ajudará a diagnosticar o HIV, clamídia, herpes, gonorréia, sífilis ou estreptococo do grupo B.

Frequentemente, quando as mulheres experimentam sintomas vaginais incomuns, a primeira coisa que vem à mente é infecções fúngicas vaginais. Se você tiver sintomas vaginais que você acha que podem indicar uma infecção por levedura vaginal, este teste pode ajudá-lo a descartar outros tipos de infecções.

Antes de tratar-se de medicamentos sem receita médica (OTC), você pode estar bem servido para confirmar o diagnóstico com seu médico.

Instruções de teste

Um kit de teste de pH vaginal em casa geralmente inclui um pedaço de papel de teste de pH e uma cartela de cores para determinar seus resultados de pH vaginal. O teste é realizado colocando um papel de teste contra a parede da sua vagina e comparando a mudança de cor com um gráfico de referência.

Como executar um esfregaço de pH vaginal

1) Lave suas mãos.

2) Remova o cotonete de pH da embalagem pela alça. Não permita que o papel de pH entre em contato com nada.

3) Segure a alça do cotonete entre o polegar e o indicador, de modo que a tira de teste fique voltada para o polegar.

4) Espalhe seus lábios com a mão livre.

5) Insira o cotonete em sua vagina, inclinando-o para que o papel entre em contato com a parede vaginal.

6) Mantenha por 5 segundos.

7) Retire o cotonete, tomando cuidado para não tocar no papel.

Interpretando os resultados

Se o seu teste vier com um gráfico de referência de cores, compare a cor da tira para obter o valor de pH. Outros testes só vão ler "normal" (branco) ou "anormal" (azul/verde).

Para kits de referência de cor, a acidez vaginal/alcalinidade é medida em uma escala de 1 a 14. O pH vaginal normal é de 3,8 a 4,5 (ligeiramente ácido). Valores anormais são aqueles que são maiores ou menores que esse intervalo. Faixas inferiores são mais alcalinas; faixas mais altas são mais ácidas.

PH vaginal anormal frequentemente indica a presença de uma infecção vaginal. No entanto, você deve saber que nem todas as infecções vaginais causam alterações no pH vaginal. Isso significa que ter um teste de pH vaginal normal não significa necessariamente que você não tenha uma infecção vaginal.

Se o seu pH vaginal está acima do normal, a razão mais provável é que você tem vaginose bacteriana (VB) e não uma infecção por fungos. Neste caso, não use medicamentos OTC para infecções fúngicas vaginais, porque a medicação não irá tratar seu VB. Em vez disso, você precisará consultar seu médico para diagnóstico e tratamento.

Por outro lado, se o seu pH vaginal é normal ou abaixo do normal e você já teve infecções vaginais anteriores diagnosticadas por um médico, você pode tentar um dos medicamentos OTC para infecções fúngicas vaginais. Se isso não curar seus sintomas vaginais ou infecção, consulte o seu médico para o diagnóstico e tratamento adequados.

Autor da matéria: Tracee Cornforth.
Fonte da matéria: Verywellmind.

Informação: toda a autoria da matéria pertence a Tracee Cornforth. A matéria foi publicada no Verywellmind. Foi colocado no site 100% da matéria. De qualquer forma, poderá ler também a matéria completa do autor Tracee Cornforth conforme publicada no site Verywellmind aqui. No Verywellmind a matéria está em inglês, mas, você pode traduzir a página para o português. 17/05/2019.