Novo endereço do site aqui, caso esteja acessando com endereço antigo.


11 dicas para tratar manchas brancas nos dentes

11 dicas para tratar manchas brancas nos dentes

Existem várias causas possíveis para manchas brancas nos dentes, incluindo fluorose dentária, hipoplasia do esmalte, má higiene dental e ingestão excessiva de alimentos ácidos ou açucarados.

Embora as pessoas possam ver manchas brancas em seus dentes como indesejáveis, elas raramente precisam ser um sério motivo de preocupação do ponto de vista médico.

Neste artigo, foi analisada as razões pelas quais as pessoas podem ter manchas brancas nos dentes e fornecidas 11 dicas para tratá-las e preveni-las.

Causas

Existem várias causas possíveis de manchas brancas nos dentes.

Uma causa comum é a fluorose dentária.

As pessoas geralmente percebem isso quando são jovens, se consumirem muito flúor quando crianças. Geralmente é uma condição inofensiva que só tende a se desenvolver antes que os dentes quebrem as gengivas.

Outra causa comum é a hipoplasia do esmalte.

Esta condição ocorre quando o esmalte dos dentes de uma pessoa não se forma adequadamente. Como a fluorose, a hipoplasia ocorre apenas durante a infância, quando os dentes de uma pessoa ainda estão se desenvolvendo. No entanto, isso pode aumentar o risco de cárie dentária.

Outras causas de manchas brancas nos dentes incluem má higiene dental, especialmente quando alguém está usando aparelho, ou comer muitos alimentos ácidos ou açucarados.

Tratamentos

Existem vários tratamentos possíveis para manchas brancas nos dentes. A adequação desses tratamentos pode depender da causa subjacente das manchas brancas e da condição dos dentes de uma pessoa.

1. Microabrasão do esmalte

Algumas pessoas podem fazer microabrasões para tratar suas manchas brancas. Durante este procedimento, um dentista remove uma pequena quantidade de esmalte dos dentes para reduzir a aparência das manchas brancas.

Esse tratamento profissional é geralmente seguido por clareamento de dentes, o que pode fazer com que os dentes pareçam mais uniformes na cor.

2. Branqueamento ou branqueamento dentário

Branqueamento ou branqueamento de dentes pode ajudar a reduzir o aparecimento de manchas brancas e outras manchas. Uma variedade de produtos de branqueamento de dentes, como tiras e pastas, está disponível sem receita (OTC). As pessoas também podem comprar esses produtos on-line.

Pessoas com manchas brancas também podem ver um dentista para tratamentos profissionais de clareamento. Estes tratamentos tendem a usar soluções de branqueamento mais fortes do que as disponíveis, o que pode fazê-las funcionar melhor.

3. Verniz dental

Os folheados dentais são revestimentos protetores finos que se prendem à superfície frontal dos dentes de uma pessoa. Eles podem esconder manchas brancas e outras manchas de forma muito eficaz.

As facetas dentárias estão disponíveis apenas em dentistas e devem ser instaladas profissionalmente. Isso pode torná-los caros.

4. Fluoreto tópico

Um dentista pode aplicar flúor tópico aos dentes de pessoas com hipoplasia de esmalte. Isso pode estimular o desenvolvimento de esmalte nos dentes e ajudar a prevenir a cárie dentária.

5. Resina composta

Para pessoas com hipoplasia de esmalte, um dentista pode aplicar resina composta para preencher cavidades e unir o esmalte externo dos dentes. Isso pode não ser adequado se as pessoas tiverem um grande número de manchas brancas nos dentes.

Dicas preventivas

Praticar uma excelente higiene dental pode ajudar a prevenir manchas brancas nos dentes, assim como outras manchas, cárie dentária, doenças nas gengivas ou outros problemas dentários.

A American Dental Association (ADA) recomenda que as pessoas escovem duas vezes ao dia com um creme dental com flúor e usem fio dental entre os dentes uma vez ao dia.

Para a maioria das pessoas, manchas brancas nos dentes se desenvolvem antes de atingirem a idade de 10 anos. Isso pode variar em algumas pessoas.

Portanto, é essencial que as pessoas incentivem seus filhos a terem uma boa higiene dental e outros hábitos de prevenção. Isso pode ajudá-los a garantir que seus dentes permaneçam saudáveis ​​e fortes.

Seguir as dicas abaixo pode ajudar a evitar que manchas brancas se desenvolvam nos dentes das crianças:

6. Uso de água sem flúor

Para os bebês que se alimentam principalmente de fórmula infantil, a fórmula de leite com água sem flúor pode ajudar a evitar o acúmulo excessivo de flúor nos dentes.

7. Usando a quantidade certa de pasta de dente

Para crianças menores de 3 anos, as pessoas devem garantir que não estejam usando mais do que uma pasta de dente ou uma quantidade do tamanho de um grão de arroz em sua escova de dentes.

Para crianças com idade acima de 3 anos, os cuidadores devem garantir que não estejam usando mais do que uma pasta de dente do tamanho de uma ervilha.

As crianças pequenas geralmente não conseguem cuspir a pasta de dentes, portanto, o uso de uma pequena quantidade pode ajudar a reduzir a exposição geral ao fluoreto. Supervisionar a escovação de uma criança pode ajudar a garantir que ela esteja usando uma quantidade adequada de pasta de dente e não engolindo demais.

8. Testando bem a água

As pessoas devem considerar ter sua água testada para níveis de flúor anualmente se tiverem suas casas conectadas a poços privados. Esta política é vital para quem tem crianças pequenas, já que os níveis naturais de flúor podem variar muito em diferentes lugares.

9. Seguir as recomendações do suplemento de flúor

A ADA recomenda suplementos alimentares de flúor para crianças com idade entre 6 meses e 16 anos que vivem em áreas sem água fluoretada e que apresentam alto risco de desenvolvimento de cárie dentária. Estes suplementos só devem ser usados ​​se um médico ou dentista os prescrever para alguém.

10. Reduzir alimentos e bebidas açucarados e ácidos

O esmalte dentário pode ser danificado e o risco de cáries aumenta com alguns alimentos e bebidas, especialmente os ricos em açúcares ou ácidos.

Alimentos e bebidas para estar ciente de incluir o seguinte:

■ Sucos cítricos e frutas, como toranja, limão e laranja;

■ Doces duros e outros doces açucarados;

■ Refrigerantes e outras bebidas com alto teor de açúcares, incluindo bebidas esportivas.

Enquanto ocasionalmente comer esses alimentos e bebidas pode ser inofensivo, comer demais ou muito pode levar a danos e manchas, incluindo manchas brancas.

Beber água depois de consumir esses alimentos pode ajudar a removê-los dos dentes e reduzir as chances de danos. Beber através de um canudo também pode ajudar.

11. Vendo um dentista

Qualquer pessoa preocupada com a saúde bucal ou com o filho deve conversar com um dentista.

Embora os pontos brancos nos dentes possam ser menos desejáveis, eles geralmente não são motivo de preocupação. No entanto, as pessoas com hipoplasia do esmalte podem estar em maior risco de dano dentário e decadência.

Se uma pessoa perceber que as manchas brancas em seus dentes estão mudando de tamanho ou número, ou elas estão começando a ter dor de dente, elas devem consultar seu dentista.

Um dentista pode avaliar os sintomas e condições dos dentes e recomendará um plano de tratamento, se necessário.

Outlook

As pessoas raramente precisam se preocupar excessivamente com manchas brancas nos dentes e podem tratá-las para fins cosméticos, se assim o desejarem.

Um dentista pode recomendar intervenções, como clareamento profissional ou aplicação de facetas, para fazer com que os dentes pareçam mais uniformes na cor.

Qualquer um que esteja preocupado com manchas brancas em seus dentes deve visitar seu dentista para um exame.

Autor da matéria: Rachel Nall, RN, BSN, CCRN.
Avaliada por: Christine Frank, DDS. Fonte da matéria: Medical News Today.

Informação: toda a autoria da matéria pertence a Rachel Nall, RN, BSN, CCRN. A matéria foi avaliada por Christine Frank, DDS e publicada no Medical News Today. Colocamos no site 100% da matéria. De qualquer forma, poderá ler a matéria completa do autor Rachel Nall, RN, BSN, CCRN conforme publicada no site Medical News Today aqui. No Medical News Today a matéria está em inglês, mas, você pode traduzir a página para o português. 02/11/2018.